Deixe suas lágrimas ao sair

Em 1996, escrevi um folheto que foi publicado pela CPAD.  Eu estava pensando nele hoje e por curiosidade fui pesquisar no Google. No primeiro site que acessei, descobri um artigo com o mesmo título e que continha uma citação do folheto. Interessante é que esse artigo foi publicado há apenas três semanas. O texto original do folheto é este:

Em algumas localidades ao norte da Pérsia, seus habitantes dão grande valor às lágrimas humanas, porque acreditam que elas possuem virtudes curativas. Nas solenidades fúnebres, são oferecidas esponjas aos presentes a fim de que estes enxuguem nelas as suas lágrimas. À saída, as esponjas são recolhidas, e o seu conteúdo, cuidadosamente guardado. É comum haver nos locais onde se realizam tais solenidades avisos com os seguintes dizeres:

Não esqueça de entregar suas lágrimas

Mas não é só aquele povo de terras longínquas que se interessa por lágrimas. Deus também dispensa a elas uma atenção especial. O CRIADOR DO MUNDO ESTÁ INTERESSADO EM SUAS LÁGRIMAS!

A Bíblia registra, no livro de Salmos, as palavras de Davi, um grande rei do passado:

Põe as minhas lágrimas no teu odre.

Odre é uma bolsa de couro que serve para guardar líquidos. Isto quer dizer que Deus deseja guardar suas lágrimas.

Você é do tipo que esbanja alegria com os amigos e depois se isola para chorar? Sente uma angústia que parece não ter fim? Está amargurado por ter sofrido injustiças? Sofre sob o peso da própria consciência?

É hora de abandonar esse ambiente fúnebre em que mergulhou a sua alma. E, ao sair, não esqueça de entregar a Deus todas as suas lágrimas, todos os seus sofrimentos. Você pode fazer isso através de Jesus, o Filho de Deus, deixando‑o tornar‑se não apenas guardião das suas lágrimas, mas também o Senhor de sua vida. Ele lhe dará em troca uma vida de paz, maravilhosa de viver até em meio a sofrimentos.

E, um dia, ao ingressar na eternidade, você deixará suas lágrimas para sempre.

E Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor, nem dor, porque as primeiras coisas são passadas. (Apocalipse 21.4)

Rio de Janeiro, 23 de fevereiro de 1996

O quarto parágrafo do artigo que encontrei cita o primeiro parágrafo do folheto (há umas pequenas diferenças no texto, porque ele foi editado depois). Confira o artigo aqui.

Anúncios

2 comentários em “Deixe suas lágrimas ao sair

  1. IRMÃO DEUS O ABENÇOE !!! FOI ATRAVÉS DESTE FOLHETO QUE DEUS QUEBRANTOU MEU CORAÇÃO EM 02/1998 E MESES DEPOIS ENTENDI O VALOR DE CRISTO PARA MINHA VIDA. MUITO OBRIGADA!!!!!

    Curtir

  2. Caraca! Eu tenho esse folheto desde os faz 10 anos por ai… é um dos que mais gosto! inclusive está no meu blog… rsrsrs Eu amei! Sempre releio e recomendo. Parabéns!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s