Lições Bíblicas: “O evangelho do Reino no império do mal”

Lição 11 — 2.° trimestre de 2012

O assunto da lição deste domingo discute uma questão interessante: a validade das Escrituras, a Bíblia Sagrada, após o arrebatamento da Igreja.

A Palavra de Deus após o arrebatamento

Ouvi muitas vezes na igreja pregadores afirmarem que a Bíblia, após o arrebatamento será um livro sem sentido e sem propósito, desprovido até de sua inspiração. Pura bobagem. A Palavra de Deus sempre terá o seu valor.

Essas pessoas talvez se confundam por causa das diferentes realidades que a raça humana viverá depois que a Igreja sair deste mundo. Se não haverá salvação depois do arrebatamento, a Bíblia se tornará inútil raciocinam. Mas nem esse raciocínio está correto, como o autor explica no comentário desta seção. Haverá proclamação do evangelho e salvação mesmo depois que a Igreja for arrebatada.

O que os alunos precisam entender é que o papel da Bíblia em cada momento da história humana. Ora, as Escrituras hebraicas (o Antigo Testamento) circularam por milhares de anos, mas não anunciavam o evangelho e a doutrina de Cristo, como faz o Novo Testamento. Devemos pensar então que nessa época não eram inspiradas? E como se tornaram inspiradas depois? O Antigo Testamento contém as bases da história da redenção, com o registro do pecado humano, das promessas condicionais e incondicionais a Israel e das profecias que apontavam para um futuro Redentor. As pessoas meditavam na lei de Deus (Sl 1.2) e consultavam os escritos sagrados (Dn 9.2). Os reis deviam manter uma cópia da Lei e se orientar por ela (Dt 17.18-20). Não fosse assim, como justificar o salmo 119?

Na era da Igreja, completou-se a Revelação. Mas isso não significa um nível mais elevado ou mais confiável de inspiração. Aliás, na maioria das vezes o termo “Escrituras” no Novo testamento se refere às Escrituras  hebraicas (Lc 24.27; At 17.11; Rm 1.2). Durante boa parte do tempo em que a igreja primitiva proclamou o evangelho de Cristo, os livros do Novo Testamento nem haviam começado a ser escritos.

A Bíblia é e sempre será inspirada e infalível e sempre exercerá algum papel em qualquer etapa da história humana. Mesmo na terra restaurada, com a nova humanidade livre de pecado, a Bíblia não se tornará inútil. Como será preservada no futuro e em que idioma (ou idiomas) será traduzida, é algo que não sabemos, porém, a meu ver, será no mínimo um registro inspirado e fiel da redenção do ser humano, mas nunca uma obra inócua.

A proclamação dos mártires/ A proclamação dos 144 mil

A atuação e resgate desses dois grupos após o arrebatamento demonstra a eficácia e o poder do evangelho mesmo depois que a Igreja é retirada deste mundo. Vale lembrar que a multidão de salvos provenientes da “grande tribulação” contempla também a teoria de não serem simplesmente os que ficaram no arrebatamento e se converteram durante o reinado do Anticristo. Essa é a concepção pré-tribulacionista. Do ponto de vista do pós-tribulacionismo, segundo o qual a Igreja passará pela Grande Tribulação, neste grupo estarão incluídos (e provavelmente constituirão o maior número) os crentes que estiverem vivos por ocasião do arrebatamento. Independentemente de sua convicção, tenha em mente as duas possibilidades.

A proclamação das duas testemunhas/ A proclamação do anjo

O poderoso testemunho desses mártires talvez seja o cumprimento da tarefa de ser o evangelho pregado em todo o mundo (Mt 24.14).

A identidade das duas testemunhas é muito discutida. Uns acreditam serem Moisés e Elias, por causa dos milagres semelhantes que elas realizarão (Ap 11.6), mas isso não nos exime de todas as dúvidas. Outros creem que sejam Enoque e Elias, porque Moisés teria morrido, porém ele aparece no monte da Transfiguração (Lc 9.30). Além disso, Enoque foi trasladado para não ver a morte (Hb 11.5), e as duas testemunhas serão martirizadas. Outros ainda creem que sejam crentes contemporâneos. Há também a teoria de que não se trata de duas pessoas, mas de um grupo comprometido com o testemunho de Cristo, pelo fato de que “a besta que sobe do abismo lhes fará guerra” (Ap 11.7) e não faz sentido uma guerra contra duas pessoas apenas. É importante você conhecer essas teorias, mas não perca muito tempo tentando especulando.

A Bíblia não diz de que maneira esse anjo (Ap 14.6,7) conseguirá ser ouvido por todos os habitantes da terra, mas se for uma aparição literal será um espetáculo grandioso.

Lição 12 (leia aqui).

Anúncios

10 comentários em “Lições Bíblicas: “O evangelho do Reino no império do mal”

  1. Judson, um ótimo domingo e que a paz de Deus esteja contigo e seus familiares. Agradeço a sua resposta e posso fazer um comentário!? Entre as leituras que realizei, me levaram a crer, que o Espírito Santo sempre estará atuante.
    Um abraço.

    Curtir

  2. Judson, sou uma Paulistana, que admira um texto coeso e coerente. Já tornei-me sua fã (risos) e agora; espero a sua opnião, quanto ao período da grande atribulação: O Espírito Santo estará agindo na Terra?
    Um abraço e que Deus te abençoe!

    Sueli, nunca me interessei muito por escatologia, mas o que penso é que o Espírito Santo sempre agirá na terra. Nos tempos do AT, agia de várias formas (na criação, capacitando pessoas, e assim por diante). Na era da Igreja, atua como nosso Paráclito ou Ajudador, que implica várias funções. Creio que depois de a Igreja ser arrebatada (talvez até após a Grande Tribulação) ele continuará agindo, sim, mas não sei precisar de que forma. Há muita discussão sobre o assunto, mas estou certo de que em cada fase da historia humana/ da redenção ele desempenha algum importante papel.

    Curtir

  3. Muitas pessoas ainda debocham do q é sagrado , mais um dia verão e se arrependeram do q disseram… NAO PONHA DEUS A PROVA , PORQUE ELE PROVARA Q ELE É DEUS E QUE N HÁ OUTRO MAIOR Q ELE !!

    Curtir

  4. BOM COMENTÁRIO, NÃO ME PREOCUPA COMO SERA MAIS EM ESTAR FIRME ATÉ O FIM. QUE DEUS NOS ABENÇOE

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s