Morre o pastor Anselmo Silvestre

Morreu ontem, aos 96 anos, o pastor Anselmo Silvestre. Foram nada menos que 73 anos dedicados ao ministério, 51 deles na presidência da Assembleia de Deus de Belo Horizonte.

Ele começou a pastorear a igreja da capital mineira em caráter provisório em 1958, quando o seu presidente, o missionário Algot Svenson, viajou de férias para a Suécia. Mas Svenson nunca retornou ao Brasil, porque morreu em seu país natal no dia 5 de junho de 1959. O pastor Anselmo então assumiu a presidência da igreja e foi o seu principal líder até dezembro de 2009, quando passou o cargo para o neto,  Moisés Silvestre Leal.

Ele era presidente de honra da AD de Belo Horizonte e presidente da Convenção dos Ministros das Assembleias de Deus no Estado de Minas Gerais (COMADEMG).

Vi o pastor Anselmo apenas uma vez, na cerimônia de lançamento da pedra fundamental do prédio atual da CPAD, no final da década de 1990. Lembro-me de que ele tomou o microfone  e com um vigor surpreendente, antes de dizer qualquer palavra, começou a cantar o corinho que parece ter sido o refrão da vida dele: “Tem que começar pelo artar/ Tem que começar pelo artar…”.

O site da AD de Belo Horizonte informa que o culto fúnebre será realizado no templo central amanhã, 2 de outubro, a partir  das 7h30 da manhã. O sepultamento será às 10 horas, no Cemitério da Colina.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s