Arrebatamento e Segunda Vinda são coisas diferentes?

Para Finis J. Dake, sim. Dake é pré-tribulacionista e pré-milenarista, mas difere de seus pares, que consideram o Arrebatamento (antes da Tribulação) e a manifestação de Cristo ao mundo (depois da Tribulação) duas fases da Segunda Vinda. Para Dake, Arrebatamento é uma coisa, Segunda Vinda é outra. Aquele é doutrina exclusiva do Novo Testamento; esta, um tema recorrente do Antigo. No comentário de Apocalipse que estou revisando (leia aqui), da autoria de Dake, ele dá esta explicação:

 O arrebatamento da igreja também é denominado “vinda do Senhor”, mas nunca “segunda vinda de Cristo”. Em sua vinda, Jesus não irá aparecer de forma visível na terra, mas virá “nos ares”, para arrebatar os santos vivos e mortos, que subirão juntos para se encontrar com Ele. Essa vinda é uma doutrina exclusiva do Novo Testamento, revelada pela primeira vez a Paulo de modo especial (1Co 15.51-58), enquanto a segunda vinda de Cristo não é uma doutrina encontrada apenas no Novo Testamento, mas um dos temas principais do Antigo Testamento. Os profetas do Antigo Testamento jamais contemplaram a igreja do Novo Testamento, muito menos a viram arrebatada.  Não há uma passagem na Bíblia que se refira a ambos os acontecimentos, como se fossem um só. São duas vindas distintas, separadas por um intervalo de vários anos, não duas fases ou etapas da mesma chegada. O Arrebatamento ocorre vários anos antes do advento literal de Cristo sobre a terra. Quando Cristo encontrar os santos nos ares, Ele os arrebatará para o céu e os apresentará ao Pai, e permanecerão ali enquanto a Tribulação estiver em curso da terra. Na Segunda Vinda, os santos não serão arrebatados, nem Cristo, mas ambos voltarão juntos para a terra. O Arrebatamento ocorre antes da Tribulação, enquanto o Segundo Advento [Segunda Vinda] se dá após a Tribulação. O arrebatamento da igreja pode ocorrer a qualquer momento. O Segundo Advento não pode ocorrer sem que todos os sinais comentados no capítulo 39 [do livro de Dake] e algumas profecias venham a se cumprir.

Há muitas explicações interessantes no livro, que se chocam com os ensinos escatológicos que estamos acostumados a ouvir nas Assembleias de Deus. Na medida do possível publicarei outras aqui.

Anúncios

2 comentários em “Arrebatamento e Segunda Vinda são coisas diferentes?

  1. vi muitas referencias a não da para acreditar em um arrebatamento secreto quando em I Cor 15:51-53 fala algo que me espanta e me faz juntar as 7 trombetas com essa passagem (Apocalipse 11:15-19) r outros versos biblicos.

    Curtir

  2. É meu posicionamento também. Mas não vejo problema se alguém interpreta de maneira diferente. Devemos olhar para a Bíblia e saber que nela se encontra a Verdade ainda que não compreendamos todas as profecias, mas uma coisa é certa: “Não desprezeis as profecias”… Entretanto, desprezá-las é o que muitos tem feito e por isto estão despreparados para alguns eventos que ocorrerão no devido tempo. O próprio Senhor Jesus nos alertou. Sempre preparados, sempre trabalhando e sempre vigilantes.

    Em Cristo.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s