A morte que trouxe livramento e salvação — mas não estou falando de Jesus

Folheando hoje um exemplar de O Assembleiano, editado por esta ovelhinha, deparei com uma notícia que mostra como os caminhos deWaltraud Kohn Deus podem ser estranhos. E, em tempos de tanto ceticismo, nada como um testemunho autêntico (nunca publiquei nada desse tipo sem a  confirmação de pessoas idôneas) para soprar as cinzas da fé, por isso resolvi compartilhar a história com os meus poucos e fiéis leitores.

Numa congregação da AD de Joinville, no distrito de Pirabeiraba, o culto de domingo à noite foi interrompido quando uma irmã do auditório pareceu desmaiar. Algumas pessoas correram para ajudar e logo perceberam que ela estava morta — ataque cardíaco, foi o que se confirmou depois. Entretanto, por trás dessa morte tão comum, descobriu-se um enredo que a tornava especial.

O nome da mulher era Waltraud Kohn (foto), de 53 anos. Ela se decidira por Cristo alguns anos antes, e desde a sua conversão, sofria  com o antagonismo e a violência do marido beberrão. A situação foi ficando insustentável, e ela começou a orar para que Deus a livrasse daquele sofrimento. Certo noite, quando ela participava de um culto em Nova Brasília — outra congregação da AD joinvilense —, alguém lhe entregou uma mensagem profética. De acordo com a profecia, Deus iria livrá-la, “mas não da maneira que ela queria”.

No dia seguinte, 5 de junho de 1988, ela falou para o marido, antes de sair de casa: “Até agora eu chorei por tua causa, mas de hoje em diante tu vais chorar por mim”. À noite, exatamente 24 horas depois de ter recebido a mensagem profética, os sofrimentos dela acabaram.

E, além de livramento, a morte da irmã Waltraud ainda contribuiu para a salvação de duas filhas casadas, que se decidiram por Cristo uma semana depois.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s