Morre o pastor Horácio da Silva Jr.

Morreu na noite passada, aos 85 anos, o pastor Horácio da Silva Jr., da AD em Bento Ribeiro (RJ), em razão de várias complicações de saúde, que lhe custaram algumas internações e cirurgias. Era presidente do Ministério Boa Esperança (MIBE), mas ficou conhecido principalmente por ter ocupado o cargo de diretor executivo da CPAD  no período de 1987 a 1993.

Entrevistei-o rapidamente em 1991, na festa dos 80 anos da AD, em Belém do Pará. Na época, eu editava o jornal O Assembleiano, tido como um tanto ousado para os padrões da denominação, mas ele chegou a comentar de maneira positiva a forma em que fazíamos jornal.

Ele será velado no templo-sede da AD em Bento Ribeiro e o sepultado no Cemitério de Sulacap, no Rio de Janeiro.

Anúncios

Apenas compartilhando: “Alleluia”, de Giulio Caccini

Se eu puder escolher, quero partir deste mundo ouvindo isto.

Presentinho: livro NVI: a Bíblia do século 21 (Luiz Sayão)

A Sociedade Bíblica Internacional disponibilizou para download este livro de Luiz Sayão sobre “a mais lida tradução contemporânea da Bíblia, a NVI”. Além de justificar a necessidade de novas traduções e seus desafios, o autor fala dos bastidores da produção dessa tradução da Bíblia e de sua fidelidade ao sentido original das Escrituras, entre outros assuntos. Há também um capítulo com perguntas e respostas, onde são respondidas questões como: “Por que têm surgido ataques conta a NVI?”; “A NVI questiona alguma doutrina fundamental da fé cristã?”; “A NVI teve alguma preocupação em ser politicamente correta?”. Espero que o pessoal da SBI não se importe por eu disponibilizar a obra também aqui. Tamanho: 4,28 MB (PDF).

Download

Meu legado

Livros trabalhadosEm meus 23 anos de trabalho na área editorial, revisei centenas de livros e traduzi uns poucos. Além disso, como ghost writer ou em outras formas de parceria, sempre por encomenda, escrevi biografias, transformei pregações em obras de variados temas cristãos, elaborei revistas de escola dominical e até produzi um curso inteiro de teologia básica. Foram dezenas de obras, porém nenhuma delas me fez sentir que eu tinha um livro para chamar de meu.

Por esse motivo, convenci-me de que estava na hora de compartilhar com uma ínfima parcela da humanidade um pouco do que trago represado na mente. As ideias são muitas, e tenho até uma lista, que engordou bastante com o passar dos anos: 72 obras aguardam o momento de serem despejadas neste mundo onde não há limites para fazer livros.

Sem chance, reconheço. Depois de pensar um pouco, reduzi os meus numerosos projetos literários para um, talvez o mais extenso. O tema? Depois eu conto. Mas devo dizer que, como o assunto está dividido em oito partes no texto bíblico, serão também oito livros, até para poupar os possíveis compradores de levarem para casa um calhamaço que dificilmente se animarão a ler. Quanto a mim, terei a vantagem de escrever várias obras no fôlego de uma só, excetuadas as pausas para atender às exigências editoriais.

Esse será o meu legado. Se tudo der certo, quem sabe ainda abro mais alguma das 71 comportas restantes da minha pequena represa interior.